Início Cultura ‘Agenda Virtual’ registra mais de 300 lives em quatro meses

‘Agenda Virtual’ registra mais de 300 lives em quatro meses

52
0
Fotos: Michael Dant

Entre abril e agosto, a “Agenda Virtual”, iniciativa do Governo do Amazonas por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, registrou 328 lives no Portal da Cultura. O projeto, que faz parte do “Cultura Sem Sair de Casa” contou com cadastros de música, festivais on-line e lives individuais, com temas como LGBT, desafios das artes cênicas e circenses, fotografia, ioga, meditação e alongamento.

O secretário Marcos Apolo Muniz destaca que a “Agenda Virtual” surgiu no período de isolamento social para ampliar o alcance das propostas apresentadas pelos artistas, com espaço para diversidade de perfis. Segundo ele, em quatro meses, o Portal da Cultura teve 150.936 visualizações de página e 50.193 novos usuários no site.

“Agora começamos a adaptar esta ferramenta para oferecer visibilidade no momento de flexibilização, para que possamos manter o apoio na divulgação das atividades artísticas”, afirma o titular da pasta. “É importante ressaltar que o Portal da Cultura deve ser uma referência em serviços e, por isso, está disponível para atender a todos os públicos, do artista a população”.

Receptividade – Presença certa na “Agenda Virtual” em quatro meses, o cantor Luso Neto conta que realizou 14 shows on-line, em diferentes plataformas digitais, entre elas Instagram e Youtube. Nesta quinta-feira (27/08), às 21h30, ele segue para a última live, “Revival”, no Facebook.

“As lives foram nosso resgate, para manter o contato com o público e colocar a nossa arte em evidência,. Foi a forma que encontramos para reverter muitos shows cancelados. Eu estava com a agenda de eventos até junho quando começou a pandemia”, comenta o artista. “E as lives foram muito boas, sendo nove shows inéditos, criados para este formato, com visualizações de até 3 mil pessoas no Facebook e me ajudaram bastante na renda durante um bom tempo. Volto aos palcos em setembro, mas para apresentações pontuais e com todas as precauções necessárias”.

Quem também se tornou tradição on-line, mas nos almoços de sábado, foi o cantor Agenor Vasconcelos, da banda Agenor, Agostinho e Léo. Ele comandou o Instagram do Espaço Cultural Curupira Mãe do Mato 18 vezes.

“As lives foram uma maneira para driblar a pandemia, me renovar e uma forma de entrada de recursos, o que me ajudou bastante. A resposta foi positiva em todos os sentidos, toda live já começava com ela paga”, conta o baixista. “Foi também uma ótima oportunidade de divulgar o trabalho autoral, e a aceitação do público é muito massa. Com a live na hora do almoço, consegui alcançar pessoas de todo mundo, muitos manauaras que moram fora de Manaus me ajudaram financeiramente”.

A primeira live da cantora Duda Raposo também fez parte da “Agenda Virtual” no mês de julho e contou com o apoio da divulgação da Secretaria de Cultura do Amazonas.

“Nós, artistas locais, precisamos desse reconhecimento para darmos continuidade aos nossos projetos. É um prazer enorme poder contar com esse apoio para a realização de um trabalho tão importante para mim”, afirma.

O cantor Michael Lima, de Itacoatiara, reforça que os shows on-line trouxeram para os artistas a oportunidade de ultrapassar os limites do Estado.

“Essa divulgação foi muito importante porque manteve a visibilidade do nosso trabalho mesmo no período de isolamento social”, comenta. “Depois da pandemia queremos trabalhar mais, esse é o motivo de levar conteúdo além de estar perto do público”.

Além da divulgação no Portal da Cultura (cultura.am.gov.br), toda semana, a equipe da Secretaria também intensificou a programação do calendário de lives nas redes sociais (@culturadoam) e aplicativo (Cultura.AM).

Confira a programação da última “Agenda virtual”!

Quinta (27/08)

20h – A Amazonas Filarmônica apresenta o concerto “Quinteto de Sopros” na programação “A Arte Agradece a Vida”, em homenagem aos profissionais da saúde. No repertório do concerto, obras de Joseph Haydn (“Divertimento n.1 em si bemol maior, Hob.II:46”, versão para quinteto de sopros); Jacques Ibert (“Três peças breves”); Lorenzo Fernandez (“Suíte para Quinteto de Sopros”); e Ronaldo Miranda (“Variações Sérias sobre um tema de Anacleto de Medeiros”).

O público pode acompanhar a apresentação pelo Facebook do Governo do Amazonas (GovernodoAmazonas), Facebook e YouTube da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (@culturadoam), e pela TV Encontro das Águas, no canal 2.1, da TV aberta.

21h30 – O cantor Luso Neto encerra a temporada de lives com o show “Revival”, reunindo músicas que o artista apresentou nas 14 lives feitas no período de isolamento social. Transmissão no Facebook (Luso Neto)

Sábado (29/08)

15h – A última live do circuito Malaba Jam Festival começa com DJ Kimo, que abre a programação no canal do evento no Youtube (/MalabaJamFestival) com set de trance. Em seguida, a Johnny Jack Mesclado recebe os cantores Magaiver, da banda Casa de Caba; e Daniel D’Araújo.

A apresentação tem a proposta de arrecadar doações para o Grupo de Apoio Raio de Sol, que atende crianças e adolescentes com doenças no sangue, a maioria do interior do Amazonas.

17h – As cantoras Lucilene Castro, Márcia Siqueira, Fátima Silva e Cláudia Trindade fazem o show “Elas Cantam Samba”, com transmissão pelo Facebook e Youtube (@lucilenecastro).

20h – Com o objetivo de apresentar um pouco do que seria o “Festival de Cirandas 2020”, as Cirandas de Manacapuru apresentam uma live especial direto do Parque do Ingá. A Ciranda Guerreiros Mura será a primeira se apresentar. Na sequência tem apresentação da Flor Matizada e da Tradicional, campeã do festival de 2019, que encerrará a live.

A transmissão será pela TV A Crítica, canal 4 da TV aberta, e pelas redes sociais das agremiações: @cirandaguerreirosmura, @cirandaflormatizada, @tradicionalciranda.

20h – A live “Tributo a Charlie Parker” reunirá, no palco do Teatro Amazonas, os músicos Ênio Prieto (saxofone), Regis Gontijo (guitarra), Sérvio Túlio (contrabaixo), Alex Diego (trompete), Júlio Feitosa (piano) e Yuri Lima (bateria). A apresentação, que será transmitida pela TV Encontro das Águas e pelo Amazonsat, contará com participações especiais de Humberto Amorim e Alexandre Oliveira.

Segunda (31/08)

9h – A bailarina Luana Moreira, do Balé Folclórico do Amazonas, faz live de uma aula de alongamento. No Facebook da companhia (Balé Folclórico do Amazonas – BFA).

20h – A Amazonas Band apresenta o espetáculo “Recomeço”, o primeiro dos concertos comemorativos de 20 anos da banda. A apresentação faz parte do projeto “A Arte Agradece a Vida”, em homenagem aos profissionais da saúde.

No repertório, composições que fazem parte da história da banda, entre elas, “Tristeza”, de Haroldo Lobo e Niltinho; “The Mighty Urubamba”, de Daniel Barry; e “Aquele Abraço”, de Gilberto Gil; e “Latin Import”, de John Fedchock.

O público pode acompanhar a apresentação pelo Facebook do Governo do Amazonas (GovernodoAmazonas), Facebook e YouTube da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (@culturadoam), e pela TV Encontro das Águas, no canal 2.1, da TV aberta.

*Com Informações da Assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui